Principais números

Crescimento do Grupo em 2016/2017

UMA REALIDADE GLOBAL

O Grupo Ferrero aprovou as Demonstrações Financeiras Consolidadas referentes ao exercício concluído a 31 de agosto de 2017 com um volume de negócios de 10,5 mil milhões de euros

A Ferrero International S.A., empresa-mãe do Grupo Ferrero, aprovou as Demonstrações Financeiras Consolidadas do Grupo referentes ao exercício concluído a 31 de agosto de 2017. À data, o Grupo englobava 91 empresas em todo o mundo, com 23 centros de produção em funcionamento. Os produtos do Grupo estão presentes de forma direta ou por meio de distribuidores autorizados em mais de 170 países.

Apesar das incertezas a nível mundial e dos desafios e tendências do setor, o Grupo foi capaz de consolidar e confirmar o seu desempenho ao longo do exercício 2016/2017. O Grupo Ferrero continuou a aumentar o investimento nas suas marcas mais emblemáticas e manteve um alto nível de ganhos operacionais, fortalecendo ao mesmo tempo as suas atividades internas de I&D.

O Grupo, do qual Giovanni Ferrero é o presidente executivo e Lapo Civiletti o diretor executivo, fechou o exercício com um volume de negócios consolidado de 10,5 mil milhões de euros, o que representa um crescimento de +1,5% em relação ao ano anterior, em que se registou um volume de negócios consolidado de 10,3 mil milhões de euros.
A venda de produtos acabados aumentou 2,2% (2,5% a uma taxa constante) nos principais mercados europeus, tais como Alemanha, Polónia, Reino Unido e países da Europa de Leste, enquanto Itália e França se mantiveram sem alterações. Dentro dos países americanos, os EUA, o Canadá e o México registaram o maior aumento das vendas líquidas.

BONS PRODUTOS, BONS RESULTADOS

Os produtos que mais contribuíram para as vendas líquidas foram essencialmente Nutella, Ferrero Rocher, Kinder Surpresa, Kinder Joy, Kinder Bueno e Tic Tac.

Em 2016/2017, o Grupo contava, em média, com 30 305 trabalhadores, em comparação com os 29 206 em 2015/2016. A 31 de agosto de 2017, o número de trabalhadores ascendia a 34 543, comparativamente com os 32 990 a 31 de agosto de 2016.

MELHORIA E CRESCIMENTO

O Grupo continuou também este ano a investir na melhoria e expansão das suas fábricas, centros de produção e equipamento em linha com os seus compromissos corporativos e sociais, e em constante aplicação das suas estratégias empresariais. As principais estratégias empresariais do grupo conduziram a melhorias ainda em curso no que concerne à qualidade e competitividade do portfólio de produtos, dando uma especial atenção à frescura do produto, segurança alimentar e ambiente, aspetos com os quais o Grupo Ferrero está altamente comprometido.

Ao longo do exercício 2016/2017, o Grupo também concluiu a aquisição das marcas de chocolate Fannie May Confections Brands, Inc. e Harry London da 1-800-FLOWERS.com, Inc. A união entre a Ferrero e a Fannie May representa uma estratégia e uma adequação cultural importante, com base em histórias familiares longas e marcas de alta qualidade.

O Grupo fundamentou a sua estratégia de desenvolvimento tecnológico através da expansão da sua capacidade produtiva, com investimentos de capital que ascenderam a um total de 744 milhões de euros (comparativamente aos 631 milhões de euros no ano anterior). No montante total de investimentos de capital, a parte mais significativa incidiu nos investimentos na área da propriedade, fábricas e equipamento (660 milhões de euros em comparação com os 552 milhões de euros registados no ano anterior), principalmente na Itália, Alemanha, Polónia, Canadá e Luxemburgo.